sábado, 27 de outubro de 2018

Tai Chi for balance

Tai Chi is a traditional Chinese practice which originated as a self-defence technique; later on, practitioners recognised its stress-busting and many other health benefits. Tai Chi is practised in the modern world by all age groups. Its low impact and graceful movements make it a safe form of exercise for seniors, the medically challenged and pregnant women. I have been practising Tai Chi for more than a decade and have seen great improvement in my concentration, strength, agility and flexibility. It has helped in keeping me calm in stressful situations.

Meditation in Motion: Tai Chi is an abbreviation of Tai Chi Chuan which means “ultimate fast fist”. Slow and graceful movements are performed in continuity without pause. Such practice requires a great deal of concentration and coordination between mind and body, which is the reason why Tai Chi is often referred to as “Meditation in Motion”. Tai Chi movements are performed with an artistic grace and complete concentration; the transition from one movement to another is done in a flow without stopping. Simultaneously, diaphragmatic breathing (deep breathing from stomach) along with screaming (not shouting) helps in the movements as well.

Practice Tai Chi for a healthy lifestyle:
Tai Chi is recommended for every age group. However, practice under supervision is necessary to learn the right technique. Tai Chi is a holistic approach in maintaining overall health.
Health benefits of Tai Chi
Regular practice enhances flexibility and functional ability of the body.
Improves muscular strength, endurance, strength of connective tissues and ligaments
Improves your posture and body balance.
Regulates your hormonal system. It may result in slow ageing.
Improves your breathing process and cardio strength.
Reduces tension through the development of inner energy and calmness of mind.
Improves sense of humour.

Source: The Hindu



Tai Chi Chuan: 5 Benefícios (Español-Português)



Español
Tai Chi Chuan es una verdadera fuente de la juventud. Se activa sus hormonas y células inmunes, fortalece el corazón, pone en orden las funciones orgánicas, refina los reflejos y el equilibrio y ayuda a protegerse de los signos del envejecimiento. Como si no fuera suficiente todas estas ventajas, el método sigue siendo bueno para el estado de ánimo. actividad práctica es como abrir una ventana en una habitación mal ventilada – un gran alivio!


Para los que odian el ejercicio y para cualquier persona cuyas articulaciones y el corazón no puede realizar movimientos vigorosos, Tai Chi es perfecto. Para el corazón y el metabolismo, la actividad equivalente a una caminata de cuatro kilómetros. Pero Tai Chi tiene algo especial que ofrece un refuerzo general de salud a través de muy diferentes formas de ejercicio convencional.

Echa un vistazo a los cinco principales beneficios del método:
1 – Despierta la energía y equilibra la presión arterial: técnicas de respiración reducen el estrés, disminuye el ritmo cardíaco y aumenta el nivel de energía.
2 – Aumenta la capacidad de concentración: correr formas de movimiento, el practicante ejerce la memoria y el aumento de la capacidad de realizar las tareas diarias más fácilmente.
3 – estiramiento músculos y deja las articulaciones flexibles: los movimientos lentos y circulares disminuyen el estrés y aumentar la fuerza muscular y la flexibilidad de las articulaciones.
 4 – Mejora el equilibrio y reduce el riesgo de caídas y accidentes: se aprende a convertir su cuerpo lentamente y caminar una postura más estrecho, mejorar el equilibrio y reducir considerablemente las posibilidades de caer o hacerse daño.
5 – Mejora la circulación: la respiración profunda y movimientos amplios vigoriza los músculos y aumentar el flujo sanguíneo. Esto permite que el oxígeno fresco con nutrientes que circule a través de los miembros, la alimentación extremos del cuerpo



Português
Tai Chi Chuan é uma verdadeira fonte de juventude. Ele ativa os seus hormônios e as células imunes, fortalece o coração, coloca em ordem as funções orgânicas, refina reflexos e equilíbrio e ajuda você a afastar os sinais da idade. Como se não bastassem todos esses benefícios, o método ainda faz bem para o humor. Praticar a atividade é como abrir uma janela num quarto abafado – um grande alívio!

Para aqueles que detestam exercícios e para qualquer pessoa cujas juntas e coração não podem exercer movimentos extenuantes, o Tai Chi é perfeito. Para o coração e o metabolismo, a atividade equivalente a uma caminhada de quatro quilômetros. Mas o Tai Chi tem algo especial, que oferece um fortalecimento geral da saúde através de formas muito diferentes dos exercícios convencionais.

Confira abaixo os cinco maiores benefícios do método:
1 – Desperta a energia e equilibra a pressão sanguínea: as técnicas respiratórias reduzem o estresse, diminuem a frequência cardíaca e aumentam o nível energético.
2 – Aumenta a capacidade de concentração: executando as formas dos movimentos, o praticante exercita a memória e aumentando a capacidade de executar as tarefas diárias com maior facilidade.
3 – Alonga os músculos e deixa as juntas flexíveis: os movimentos vagarosos e circulares diminuem a tensão e aumentam a resistência muscular e a flexibilidade das articulações.
4 – Melhora o equilíbrio e reduz o risco de quedas e acidentes: a pessoa aprende a girar o seu corpo vagarosamente e andar numa postura mais estreita, melhorando o equilíbrio e diminuindo consideravelmente as chances de cair ou se machucar.
5 – Melhora a circulação: a respiração profunda e os movimentos amplos revigoram os músculos e aumentam o fluxo sanguíneo. Isso permite que o oxigênio fresco circule com nutrientes através dos membros, alimentando as extremidades do corpo com mais energia.

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

The Benefits of Learning Tai Chi



Almost anyone can reap the mind-body rewards of this ancient Chinese practice.
Tai chi, which uses slow and gentle movements, may seem like yet another exercise fad. But the practice began as a martial art in China hundreds of years ago, and its health benefits have been the focus of more than 500 studies in the last half-century.
“It’s really more like moving meditation, and almost anyone at any age can do it,” says a longtime tai chi teacher, Bill Helm, director of the Taoist Sanctuary in San Diego. Here, how tai chi can help you.

How Tai Chi Boosts Health
One plus appears to be better balance. A recent analysis of 10 studies involving older adults, in the Journal of the American Geriatrics Society, found that regular classes reduced falls by 43 percent in those followed for up to a year compared with other exercise. One study suggested it may also cut the chance of being injured in a fall by half.
Tai chi involves slowly shifting your weight from side to side or forward and back, and stepping in circles, all of which improve balance.


“It also helps strengthen your stabilizing muscles, like those in the hips, and improves your body’s sense of where it is in space,” says Linda Larkey, Ph.D., a professor in the College of Nursing and Health Innovation at Arizona State University.
A review published last year in Canadian Family Physician found that tai chi also helps ease the symptoms of chronic obstructive pulmonary disease, dementia, depression, osteoarthritis, and Parkinson’s disease. A similar review found it may help with hypertension, too.
“The mindfulness aspect of tai chi—the breathing, focus, and rhythmic nature of the movements—helps calm the nervous system and reduce inflammation,” Larkey says. That can have a positive effect on brain function, pain perception, anxiety, and blood pressure, she notes.

Before You Start
If you’re an older adult under a doctor’s care or you haven’t exercised regularly in awhile, the American Tai Chi and Qigong Association recommends first getting medically cleared for exercise.
But experts say tai chi is safe for most people.
“One reason tai chi programs have been so popular at senior and retirement centers is because it’s relatively low intensity, and people seldom get hurt,” says Wojtek Chodzko-Zajko, Ph.D., a kinesiologist and dean of the Graduate College at the University of Illinois at Urbana-Champaign.
A 2014 Archives of Physical Medicine and Rehabilitation review found that the most common negatives were minor aches and pains, typically in the knees and back.

What to Expect
In tai chi, an instructor will lead you through a warm-up, followed by a series of flowing moves you’ll learn gradually and repeat throughout class. “I tell my students, ‘Nobody here is going to the tai chi Olympics, but we can improve on our current state of health,’ ” Helm says.
You can also do tai chi with an instructional DVD or online video. (The Arthritis Foundation offers some video clips online.) But a group class may be better; hands-on instruction will help you improve your form and avoid moves that may cause pain.
Community recreation and senior centers and YMCA/YWCAs frequently offer tai chi classes. You can also find them in your area by searching the American Tai Chi and Qigong Association’s online directory.

Try a few classes (Helm recommends going at least twice a week for a month) to make sure you feel comfortable and that instruction includes rhythmic breathing, slow arm and leg movements that involve coordination and balance, and an emphasis on clearing or focusing the mind.
“If the class doesn’t include these elements, you might not get the same benefits that have been shown in studies,” Larkey says.
Keep in mind that as low-intensity exercise, tai chi doesn’t meet government physical activity guidelines: 150 minutes of moderate-intensity activity like a brisk walk or 75 minutes of vigorous-intensity activity like jogging, weekly, along with twice-weekly strength sessions.
“If you’re using tai chi as a supplement to your more intense routine, that’s very good,” Chodzko-Zajko says. “If it’s being used to substitute for walking or another activity, then that’s more of a concern. There’s not strong evidence that low-intensity physical activity of any kind is as good for you as meeting the physical activity guidelines.”
Source: https://www.consumerreports.org/

Los beneficios del Tai Chi


El Tai Chi forma parte de un estilo de vida saludable; de hecho, la medicina tradicional china recomienda la práctica de esta disciplina para el mantenimiento y equilibrio de la salud, física, mental y espiritual.


Tras diversas investigaciones, la medicina occidental centra los beneficios de esta técnica en personas que sufren de trastornos del sistema inmune, sistema circulatorio, problemas respiratorios, asma, problemas en sistema reproductivo y problemas digestivos, entre otros, destacando sus beneficios en el aparato locomotor, consistencia muscular, articulaciones y huesos. Además, aumenta la flexibilidad y mejora y regula la circulación sanguínea.
A nivel mental, se considera muy efectiva para trastornos depresivos, ansiedad y estrés, mejorando los estados de ánimo y la capacidad de concentración, además de ser una fuente inagotable de producción de endorfinas, las hormonas de la eterna juventud y de la felicidad.
Se trata de un deporte que se recomienda mucho para personas de la tercera edad por su facilidad, ya que no requiere fuerza ni rapidez; una técnica que está dirigida a personas que quieren hacer ejercicio y meditación al mismo tiempo.
Fuente: Nueva Mujer

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

New hope if you are feeling down and under? Try Tai Chi




Practicing Tai Chi — a form of ancient Chinese martial art — for 12-weeks may significantly reduce symptoms of depression such as persistent feeling of sadness or loss, a study showed.
Tai Chi, which has been used for more than 1,000 years, combines deep breathing and slow and gentle movements.
It is generally suitable for people of any level of physical fitness.
“While some previous studies have suggested that tai chi may be useful in treating anxiety and depression, most have used it as a supplement to treatment for others medical conditions, rather than patients with depression,” said Albert Yeung from Massachusetts General Hospital.
Tai Chi can be particularly effective for patients who avoid conventional psychiatric treatment, the researchers said.
For the study, published in the Journal of Clinical Psychiatry, the team recruited 50 participants through advertisements offering tai chi for stress reduction.


Of these 17 were in the tai chi group, 14 in the education group that included discussions on stress, mental health and depression and 19 in the a passive control, wait-list group.
The 12-week assessments showed that the tai chi group had significantly greater improvement in depression symptoms than did members of either control group.
Earlier this year, China nominated Tai Chi, for inclusion in the Unesco List of Intangible Cultural Heritage.
Previous studies have found that Tai Chi could better help patients suffering from five painful conditions — back pain, osteoarthritis, neck pain, fibromyalgia, and severe headaches and migraine.


sábado, 20 de outubro de 2018

Tai Chi 42 Step form – english and chinese names (video)



Tai Chi May Be Therapeutic Option for Fibromyalgia



quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Tai Chi: Moving For Better Balance


segunda-feira, 15 de outubro de 2018

História do estlio Sun




Dos quatro estilos principais, Chen, Yang, Wu e Sun, o último é o mais jovem, e tem certas características que o tornam único. Seu criador, Sun Lutang (1861-1932) foi um famoso mestre de duas outras artes marciais internas, Xingyiquan, que integra a forma externa e intenção interior) e Baguazhang, com base nos oito trigramas do I Ching disciplina, o Livro mudanças.

Um dia, Sun Lutang conheceu Hao Weizhen, um dos maiores expoentes do Tai Chi naqueles anos. Mas Hao estava doente, e Sun, um homem compassivo, ele conseguiu um quarto em um hotel e um bom médico para tratá-lo. Durante sua convalescença, Hao foi viver três meses na casa para ensinar Tai Chi. Embora, em seguida, Sun durou mais de 50 anos de idade e já um artista marcial famoso, ele foi aberto para aprender novas habilidades.


Embora Sun Lutang tenha começado a praticar Tai Chi em uma idade relativamente avançada e só estudou por um curto período, é considerado hoje como um dos grandes inovadores da arte do Tai Chi. Na verdade, ele foi o criador de um dos principais estilos, um exemplo claro de que a idade não é uma limitação. Sun também foi um visionário em que ajudou a fazer Tai Chi acessível a pessoas de todos os tipos, destacando seus benefícios de saúde. Ele foi o autor do primeiro livro sobre Tai Chi para a saúde, e também o primeiro ensinou abertamente mulheres.
No entanto, Sun enfatizou que seu estilo era puro Tai Chi , e não incluem elementos de Baguazhang e Xingyiquan. As características que tornam o seu Tai Chi tão poderoso é em grande parte devido ao fato de que a Sun se juntou a ele um conhecimento considerável sobre o cultivo de qi que tinha adquirido com outras artes marciais internas.
Sun disse que o mais alto nível de Tai Chi é o Tao. O Tao e Taoísmo são baseados na concepção filosófica antiga chinesa da natureza. Da mesma forma, Chen Wang Ting, o criador original do Tai Chi, baseou sua arte marcial na medicina tradicional chinesa e compreensão filosófica da natureza. Nossa visão é que Tai Chi foi criado com o objetivo principal de cultivar a saúde com uma abordagem holística e harmonizar o homem com a natureza, e não simplesmente uma ordem marcial.


Fonte: DragonTaiChi.Net


terça-feira, 9 de outubro de 2018

Tai Chi, energía en equilibrio


Meditação e Tai Chi inibem genes da inflamação


Benefícios do Tai Chi Chuan


Os benefícios do Tai Chi Chuan são muitos, como estilo interno ele proporciona muitos benefícios aos órgãos internos equilibrando tanto o corpo quanto a mente. Alguns deles são:

– Equilibra a pressão sanguínea
– Irriga as juntas
– Estimula a circulação
– Melhora a musculatura,
– Mobiliza o sistema imunológico
– Conquista a serenidade e o equilíbrio das emoções
– Melhorar a forma física e mental
– Melhora o sistema cardiovascular
– Alivia estados depressivos
– Fortalece a ossatura
– Melhora a flexibilidade e o alongamento
– Aumento da atenção e concentração mental
São muitos benefícios, não são?
Na China milhares de homens, mulheres e crianças se juntam nos parques das cidades todas as manhãs, bem cedo, para praticar com o objetivo de melhorar sua forma física e mental. Esta arte marcial é freqüentemente prescrita como um tratamento à centenas de doenças e condições dolorosas.
Estudos publicados no ocidente e no oriente mostram que mesmo sendo um tipo de exercício de baixa velocidade, ainda melhora a saúde cardiovascular e a forma das pessoas, além de aliviar os estados depressivos.
Aqueles que praticam consistentemente, aproveitam todos seus benefícios do Tai Chi Chuan e têm uma vida diferente, especialmente quando chegam aos 80 e 90 anos de idade. Seus ossos são fortes, não são frágeis. Suas juntas são flexíveis, não sendo doloridas ou rígidas. Suas mentes não divagam. Eles permanecem alertas, conscientes, com grande capacidade de concentração. Seu coração é forte e bate calmamente e seus corpos têm uma grande força interior que previne todas as enfermidades.
Se você tiver uma artrite por exemplo, ele será o seu melhor exercício para alongamentos, pois ele provê a flexibilidade necessária para que as juntas enrijecidas possam se mobilizar novamente com elasticidade. Se você tem câncer, ele melhora a sua capacidade aeróbia e estimula o sistema imunológico sem prejudicar os radicais livres.
Outros benefícios do Tai Chi Chuan são para quem sofre do coração, praticando regularmente não apenas a pressão sanguínea irá se regularizar, mas também você irá perder peso, eliminar sentimentos negativos como raiva, frustração e depressão as quais podem desencadear um ataque do coração e também é equivalente a uma caminhada de quatro quilômetros.
E ainda, os movimentos são simples, suaves e fáceis de serem aprendidos. Não exigem habilidades especiais e podem ser executados em qualquer lugar, sozinho ou em grupo. Qualquer pessoa pode desenvolver a arte a níveis bastante elevados. Basta uma prática consistente, concentração e um bom professor.
Esta arte marcial é uma verdadeira fonte de juventude. Ele ativa os seus hormônios da juventude e as células imunes, fortalece o coração, coloca em ordem suas funções orgânicas, refina seus reflexos e equilíbrio e ajuda você a afastar os sinais da idade.

Para aqueles que detestam exercícios e para qualquer pessoa cujas juntas e coração não podem exercer movimentos extenuantes, os benefícios do Tai Chi Chuam são perfeitos e lhe oferece um fortalecimento geral da saúde através de formas muito diferentes dos exercícios convencionais.
As técnicas respiratórias reduzem o stress, diminuem a freqüência cardíaca e aumentam o nível de energia. Executando as formas dos movimentos sua concentração é fortalecida, exercitando sua memória e aumentando a capacidade de executar as tarefas diárias com maior facilidade. A respiração profunda e os movimentos amplos, revigoram os músculos, aumentam o fluxo sanguíneo e junto a ele oxigênio fresco circula com nutrientes através de seus membros, alimentando as extremidades com energia, sangue e oxigênio.
Os movimentos vagarosos e circulares beneficiam dimindo a tensão e aumentam a resistência muscular e a flexibilidade das articulações, melhorando o alongamento e equilíbrio e assim reduzindo o risco de quedas e acidentes.